domingo, 22 de dezembro de 2013

Justiça condena pela 1ª vez internauta por compartilhar mensagem


Imagem: Reprodução
A Justiça condenou pela primeira vez uma internauta que compartilhou uma mensagem de outra pessoa em uma rede social. Ela fez críticas a um veterinário e agora as duas vão ter de pagar uma indenização por danos morais.

A estudante Monique Denadai escreveu um longo depoimento na página dela em uma rede social. A queixa era contra um veterinário e foi compartilhada por uma funcionária pública. Agora as duas moças foram condenadas a pagar uma indenização de R$ 10 mil cada uma por danos morais.

“Me arrependo de no calor da emoção ter xingado, ter usado palavras ofensivas. Publicaria do mesmo jeito, para conseguir ajuda, para alertar, mas não com essas palavras”, disse a estudante.

O veterinário, que não circula pelas redes sociais e não quis ser identificado, ficou sabendo do caso pelos amigos. Ele virou motivo de piada. “Repenso mudar de profissão, repenso mudar de cidade, de tudo”, afirmou.

A advogada da moça que compartilhou a mensagem vai recorrer da sentença. “Não foi ela quem efetuou nenhuma ofensa ao autor da ação e que utilizou uma das ferramentas da rede. Então, nós vimos como uma forma decerta forma até de violação do direito dela”, disse a advogada Tatiane Mendes Ferreira.

O desembargador do caso acredita que a decisão pode trazer mais responsabilidade para quem escreve e compartilha texto nas redes sociais. “É para que as pessoas tenham consciência no momento que leem ou venham a ler algum tipo de matéria se elas devem ou não repassar isso para frente. Que elas tenham consciência de que poderão ser penalizadas também pelo simples fato de replicar” , disse o desembargador José Roberto Amorim. 

G1
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

UOL Cliques / Criteo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...