terça-feira, 15 de agosto de 2017

Juiz recebeu em julho meio milhão de salário


Imagem: Reprodução / Poder360
O juiz Mirko Vincenzo Giannotte, da 6ª Vara de Sinop (MT), recebeu no mês de julho R$ 415.693,02 líquido de salário, segundo dados do portal da transparência do Tribunal de Justiça do Mato Grosso. O valor bruto pago foi de R$ 503.928,79.



O rendimento inclui uma  remuneração de R$ 300.200,27; indenização de R$ 137.522,61, mais R$ 40.342,96 de vantagens eventuais e R$ 25.779 de gratificações.

Procurada pela Coluna do Estadão, a assessoria de imprensa do TJMT informou que não se trata de erro e  divulgou nota (abaixo) para explicar o salário milionário do juiz no mês de julho. Segundo a assessoria, o pagamento do valor foi autorizado pelo CNJ.

No mês de junho, o juiz recebeu R$ 53.432,92 líquidos. O valor bruto foi de R$ 65.872,83.

Leia  também: 

Na operação Hammer On, PF e Receita cumprem 153 mandados em cinco estados
PF cumpre mandados do STJ na sede do governo do RN e na casa do governador do estado
Réu em 6 processos, Lula volta a atacar o juiz Sergio Moro com baixaria
'Basta o Maduro chamar que o PT vai correndo lamber a mão dele', ataca Aloysio Nunes
Procurador da Lava Jato 'abre o jogo' e diz que proposta de reforma política é solução cínica e mantém corrupção

Senadora Ana Amélia ataca quem defende aumento para políticos e ministros do STF com 'efeito cascata'; veja vídeo

Leia a nota do TJMT sobre o assunto:

Em atenção a solicitação deste veículo de comunicação informamos que considerando a decisão proferida pelo Conselho Nacional de Justiça no Pedido de Providencias n. 0005855-96.2014.2.00.0000, no mês de julho/2017, no Pedido de Providências 18/2009 (Prot.Atenas 213.568), em que é requerente a Associação dos Magistrados de Mato Grosso (Amam), foi determinado pela Presidência deste Tribunal o pagamento do passivo da diferença de entrância aos magistrados que jurisdicionaram, mediante designação, em entrância ou instância superior no período correspondente a 29/5/2004 a 31/12/2009.
Coordenadoria de Comunicação do TJMT
Veja também: 





Andreza Matais
O Estado de S. Paulo
Editado por Política na Rede
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...