segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Câmara tentará votar reforma política antes de receber denúncia contra Temer


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
A Câmara dos Deputados tentará votar nesta semana a reforma política. O objetivo é garantir a aprovação de mudanças no sistema eleitoral antes de o Supremo Tribunal Federal (STF) encaminhar à Casa a nova denúncia contra o presidente Michel Temer.



Mesmo assim, líderes partidários ouvidos pelo G1 relataram estar incertos sobre se será possível votar, de fato, a reforma política nesta semana.

Leia também:
'Todo apoio ao boicote petista. Sigam firmes!', ironiza Roberto Jefferson
Presidente do BNDES diz que não pode contestar eleição de pai dos Batistas à presidência da JBS-Friboi

Enquanto parte dos deputados acredita que ainda há chance de se aprovar mudanças no sistema eleitoral, outros defendem concentrar esforços numa versão mais enxuta da reforma, priorizando a proposta que cria uma cláusula de barreira e põe fim às coligações proporcionais.

Os partidos têm pressa em aprovar mudanças nas regras eleitorais porque o prazo para as alterações terem validade em 2018 termina na primeira semana de outubro.

No Senado, a reforma política também estará em debate. Os senadores podem analisar um projeto que cria um fundo para financiamento de campanhas com recursos atualmente utilizados no horário eleitoral e nas propagandas partidárias. 


Veja também:






Gustavo Garcia, Fernanda Calgaro e Bernardo Caram
G1
Editado por Política na Rede
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...