quinta-feira, 21 de setembro de 2017

URGENTE: STJ nega habeas corpus e mantém prisão preventiva de Joesley e Wesley Batista


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
Por maioria, a Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou nesta quinta-feira pedido de habeas corpus protocolado pela defesa dos irmãos Joesley e Wesley Batista, donos da JBS, mantendo-os em prisão preventiva.



Os ministros Rogério Schietti, Nefi Cordeiro, Antonio Saldanha e Maria Thereza Moura confirmaram a decisão do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF-3) de que a prisão é necessária, diante dos suficientes fundamentos que mostram a "reiteração delitiva" dos empresários - o que significaria "perigo à ordem pública".

Leia também: 

Ficou vencido o relator do processo, ministro Sebastião Reis, segundo o qual não há indícios de que Joesley e Wesley possam prejudicar o andamento das investigações. Por isso, para ele, a prisão preventiva poderia ser convertida em medidas cautelares alternativas.

O advogado dos irmãos Joesley e Wesley Batista, o criminalista Antônio Carlos Kakay Castro informou que vai recorrer ao Supremo para reverter a decisão que manteve os empresários em prisão preventiva.

Veja também:





Luisa Martins 
Valor
Editado por Política na Rede
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...