sexta-feira, 22 de setembro de 2017

TRF nega pedido de Okamotto para anular condenação de Lula


Imagem: Reprodução / Youtube
O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) negou habeas corpus impetrado pela defesa do ex-presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto, para que fosse anulada a sentença do processo que investigou a propriedade do apartamento triplex no Guarujá.


Expedida pelo juiz Sergio Moro em julho, a decisão condenou o ex-presidente Lula a 9 anos e meio de prisão. Moro também absolveu Okamotto de lavagem de dinheiro em relação ao armazenamento do acervo presidencial por falta de provas suficientes.

Leia também: 

O advogado pedia acesso integral aos aparelhos de celular apreendidos e aos HDs citados na denúncia para a realização de prova pericial. Também requeria concessão da ordem para produção de provas periciais no acervo presidencial a fim de comprovar a inexistência de vantagem indevida.

Veja também:




Ernesto Neves
Veja
Editado por Política na Rede
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...