domingo, 3 de dezembro de 2017

Levy Fidelix considera Dilma, Temer e Meirelles os 'verdadeiros culpados' pelo 'fechamento de mais de 850 mil empresas e pelos mais de 14 milhões de desempregados no Brasil de hoje'


Imagem: Produção Ilustrativa / Política na Rede
O pré-candidato à presidência pelo PRTB, Levy Fidelix, enfatizou a importância de exterminar a corrupção para então enfrentar os efeitos deletérios dela que já são sentidos pela população: "Temos que resgatar a ética, resgatar o nosso brilho de brasilidade. Lamentavelmente, os que aí estão, há tanto tempo, estão levando o brasileiro a perder esse brilho, o viço, e o pior, contaminando não apenas os de hoje, mas as futuras gerações, os nossos jovens, que não têm perspectiva de emprego. As populações que já deram a sua contribuição no passado, querem tirar tudo deles agora e esqueceram que os banqueiros não estão contribuindo com nada e querem agora tirar direitos adquiridos com essa reforma previdenciária, sem nem consultar o povo. Os militares, que hoje são a parte também sofrida, servidores públicos, nossos professores, a população como um todo está sendo sacrificada".



Fidelix não poupou palavras para atacar os corruptos no poder: "Os que lá estão, além de nos furtar e roubar, são incompetentes. Todos eles! Deixaram a nação brasileira de cócoras!".

O presidente do PRTB  apontou que os políticos estão subestimando a revolta da população, assim como a necessidade de se fortalecer a democracia: "Estamos vendo movimentos nacionalistas de toda ordem, inclusive pedindo intervenção militar. Olhem a que ponto chegamos! Poderíamos ter feito tudo isto com a democracia, e temos que fazê-lo com a democracia, que eu continuo acreditando nela como único meio, e salutar, de resolver os problemas dessa nação. É no debate, é no diálogo, não tem outra maneira".

"Não pode ser como querem esses que aí estão, que, mancomunados com a grande mídia, com os banqueiros, com os maus políticos, estão destruindo o sonho do brasileiro de ter, acima de tudo, resgatada a sua brasilidade, lembrando que é um conjunto de obrigações e deveres", disse Levy Fidelix.

O pré-candidato pediu o apoio do partido: "Eu tenho um sonho, mas não posso consegui-lo sozinho. Não pode ser um sonho de um só. Preciso das vozes de todos para quebrarmos esse status quo que hoje domina a política brasileira, tirando o sonho dos brasileiros de sermos brasileiros de verde e amarelo".

Leia também:
Ex-presidente do STF defende a prisão após condenação em segunda instância e o fim do foro privilegiado
Desembargador relator da Lava Jato alerta para reações contra operação


Veja também:





Gazeta Social
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...