quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

Tribunal muda expediente e suspende prazos para julgamento de Lula


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
A mobilização em torno do julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) levou o TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região), sediado em Porto Alegre, a alterar seu expediente nos dias 23 e 24 deste mês. Até mesmo os prazos processuais foram suspensos nestas datas.


"A suspensão leva em conta as medidas que estão sendo adotadas pelos órgãos de segurança pública do Estado do Rio Grande do Sul e pela Polícia Federal para garantir a segurança do público interno e externo durante a realização do julgamento", diz comunicado divulgado pelo TRF-4.

Leia também: 

A decisão foi publicada em portaria assinada nesta quinta-feira (11) pelo presidente do TRF-4, desembargador Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz. No dia 23, o expediente no tribunal será das 8h às 12h. No dia 24, não haverá expediente administrativo e judicial, exceto para os servidores "diretamente envolvidos com a realização e apoio da sessão de julgamento".

A 8ª Turma do TRF-4 julga Lula em segunda instância no dia 24 pelo chamado processo do tríplex. Na primeira instância, o juiz Sergio Moro condenou o petista a nove anos e meio de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. A defesa do ex-presidente diz que não há provas das acusações.

O julgamento do TRF-4 é crucial para o futuro de Lula. Em ano de eleições presidenciais, uma condenação em segunda instância pode torná-lo inelegível --ele tem liderado as pesquisas de intenção de voto-- e até mesmo levá-lo à prisão. 

Até agora, nenhum governo ou órgão de segurança pública informou se haverá um esquema de segurança especial em Porto Alegre para o julgamento de Lula, mas a portaria do TRF-4 indica que isso deverá ocorrer.

Outro sinal de que tal esquema deverá ser implantado é o fato de que há dias representantes de diversos órgãos municipais, estaduais e federais de segurança e transportes têm se reunido justamente para definir o que fazer em Porto Alegre na semana do julgamento.

A capital gaúcha será palco de inúmeros protestos nos dias que antecedem o julgamento de Lula, de grupos contrários e favoráveis à condenação do petista, e caravanas de diversos pontos do Brasil são aguardadas. Manifestantes também planejam acampar na cidade.

Veja também:





Bernardo Barbosa
UOL
Editado por Política na Rede 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...