sexta-feira, 9 de março de 2018

Ricardo Saud deixa Papuda; PF em SP recebe alvará de soltura de Joesley


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
O ex-executivo da J&F Ricardo Saud deixou o presídio da Papuda, em Brasília, por volta das 21h desta sexta-feira (9).



Ele foi beneficiado por uma decisão do juiz Marcus Vinícius Reis Bastos, da 12ª Vara Federal do Distrito Federal, que hoje revogou a prisão preventiva de Joesley Batista após um pedido de habeas corpus feito pela defesa do dono da J&F. 


Reis Bastos estendeu a decisão a Saud por considerar que ele e Joesley se encontravam em condições similares. O magistrado determinou que eles entreguem seus passaportes e compareçam a todos os atos do processo, além de manterem seus endereços atualizados.

Leia também: 

Joesley, que está preso na carceragem da PF (Polícia Federal), em São Paulo, deve ser solto em instantes. O alvará de soltura do empresário chegou à sede da PF por volta das 21h15. A expectativa dos advogados é de que Joesley deixe a carceragem por volta das 22h.

Segundo o UOL apurou, a mulher de Joesley, a jornalista Ticiana Villas Boas, espera a chegada do empresário na residência do casal, no bairro Jardim Europa, em São Paulo.

Os executivos estavam presos desde setembro por acusação de obstrução de Justiça. A prisão foi expedida pelo ministro do STF Edson Fachin, a pedido do então procurador-geral da República, Rodrigo Janot. Joesley e Saud passaram a ser investigados por omissão de informações importantes no acordo de delação premiada firmado com a PR.

O argumento utilizado pela defesa de Joesley no pedido de habeas corpus foi de que o caso em que o empresário é investigado por suposta obstrução de Justiça ainda se encontra na fase de inquéritos e não tem data para ser concluído.

Em sua decisão, o juiz Reis Bastos mencionou que "o induvidoso" excesso de prazo da prisão cautelar "enseja inegável constrangimento ilegal passível de correção pela via do habeas corpus". Ele apontou ainda que a investigação não sofre "quaisquer inconvenientes" com a soltura do empresário.

Veja também: 





Ana Carla Bermúdez
UOL
Editado por Política na Rede
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...