terça-feira, 3 de abril de 2018

Deputado petista pede prisão de general que alertou para risco de conflagração nacional


Imagem: Reprodução / Youtube
O deputado federal Jorge Solla (PT-BA) cobrou do presidente Michel Temer, do ministro da Defesa, general Luna, e do procurador-geral da Justiça Militar, Jaime de Cassio Miranda, a prisão preventiva do general Luiz Gonzaga Lessa, pelo suposto crime de conspiração contra a nação, previsto no Código Penal Militar, artigo 152.

O militar defendeu uma “reação armada” por parte das Forças Armadas “se acontecer tanta rasteira e mudança da lei”, disse, se referindo ao julgamento do habeas corpus do presidente Lula no Supremo Tribunal Federal (STF) nesta quarta-feira (4).

Veja o que disse o general: 



“O Supremo deveria julgar somente olhando a Constituição, mas vai julgar com a faca no pescoço. É muito grave. Estamos vivendo uma ameaça pública de golpe militar. O general Luiz Gonzaga Lessa cometeu um crime de conspiração. Quando uma Suprema Corte é ameaçada de golpe militar se tomar uma decisão de respeito à Constituição, isso em lugar nenhum do mundo pode ser chamado de democracia”, disse o deputado petista.

“Quero cobrar que o general seja preso imediatamente por crime de conspiração contra a nação brasileira. Não se admite numa democracia que um general emparelhe a Suprema Corte. A decisão do Supremo só pode ser influenciada pelo que está escrito na Constituição”, completou o petista.

Veja também:




Agência PT
Editado por Política na Rede
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...