domingo, 8 de julho de 2018

"O Brasil possui reserva suficiente e não precisa pagar juros tão altos aos bancos. Não podemos ser reféns desse dito 'mercado financeiro'", afirma Levy Fidelix


Imagem: Produção Ilustrativa / Correio do Poder
O presidenciável Levy Fidelix, em entrevista à RedeTV, afirmou que é necessário baixar os juros que são pagos sobre a dívida interna, "produzindo mais e trazendo os bancos para um entendimento. Hoje se paga 400% de juros no cheque especial e cartão de crédito. Isso não pode! Se o banco capta a 6%!".



O repórter questionou se o banco não vê necessidade de cobrar juros altos porque o governo brasileiro se mantém em déficit, gastando mais do que arrecada. Fidelix respondeu: "Isso é uma falácia. O Brasil tem 400 bilhões de dólares em reservas lá nos EUA. Nós temos uma economia com 207 milhões de pessoas que produzem e consomem, temos um território imenso com as maiores reservas minerais do mundo, as maiores reservas de água doce. Somos um país inquebrável. É uma falácia quando vem Standard & Poors, vem Goldmann-Sachs, isso é especulação de mercado. Eu quero dar uma lição nesse mercado, porque é o mercado que dita as regras no Brasil hoje. Tudo é o mercado. Nós somos muito ricos para pagar juros tão altos. A Argentina tem muito menos do que nós e paga juros menores! Chile, nem se fala. Claro, um estado perdulário faz parte desse processo; podemos gastar menos e produzir mais. É verdade. Só que o banco não pode chegar a um ponto de um exagero estratosférico. Hoje os bancos mandam 64 milhões de pessoas pro SPC e Serasa e tiram do mercado o consumidor. Por que não fazemos um SPC e Serasa dos bancos também? O Itaú, por exemplo, deve 27 e tantos bilhões ao governo brasileiro. O Bradesco deve 600 e tantos bilhões à Previdência e não paga. Então, tem calote geral. É colocar isso tudo numa panela só e tirar de lá o que o Brasil quer, que é ser feliz de novo, com pleno emprego, saúde e educação".

Leia também:

Veja também:




Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...